domingo, 12 de agosto de 2007

Noca do Acordeon

1981 - Rio Quatrocentão


Filho de peixe é peixinho - diz o ditado popular.
E aqui está mais uma prova da sabedoria do povo, com este personalíssimo tocador de sanfona que é o nosso NOCA DO ACORDEON.


Filho de um veterano sanfoneiro de 8 baixos, Noca nasceu ouvindo o som do fole e com 12 anos já sabia tocar sanfona, isto ainda na sua cidade natal, em Jequié, na Bahia.


Ganhou, então, de seu pai o primeiro acordeon e dois anos depois se aventurava na estrada, rumo a Brasília, onde se apresentou nas primeiras casas de espetáculo ali instaladas - na capital que nascia junto com as esperanças dêsse jovem, então com apenas 19 anos.


A alma intranquila de Noca e o desejo de conquistar o sucesso trouxe-o de roldão para o Rio de Janeiro e aqui se iniciou no rádio, tocando seu acordeon caipira na já então famosa Hora Sertaneja do Coronel Narcizinho, na Rádio Mayrink Veiga.


A convite de Leonel Cruz - que podemos considerar seu descobridor - participou de um LP, executando 2 faixas e logo se destacou pois, em 78 lançado com aproveitamento dessas duas faixas, veio a encontrar o caminho do sucesso que, agora, com este LP, certamente lhe será mais fácil.


Ouçam, pois, o Noca que se projetou com "Baião da Saudade" e que hoje com muito mais desembaraço, personalidade e traquejo, nos brinda com um recital de acordeon, numa seleção que compreende 7 números típicos do Norte (3 baiões, 3 choros e 1 forró), 2 boleros, 1 tango, 1 valsa e 1 dobrado, este o número de abertura e que deu título ao LP.

* Texto da contra-capa do LP



Clique aqui para baixar (Download Here) - Via 4shared
Clique Aqui para Download (Download Here) - Via Rapidshare



5 comentários:

Auricélio Gonçalves disse...

Legal este post do Noca. Adoro choro e choro no acordeon do Noca é dez. Gostaria que se fosse possívil coloque mais alguma coisa dele porque é muito difícil de se encontrar. Tenho um programa de choro e samba em uma rádio comunitária e só tenho um disco dele. Se vc colocar mais alguma coisa a gente divulga com prazer.
Saudações musicais. E salve o grande Noca!
Remanso/BA

amizades sempre disse...

como e bom ouvir som de um acordeon forro pe de serra tipo noca do acordeon pra mim foi o melhor sanfoneiro do mundo me marcou muito na daca 60-70-80 hoje so saudade do nosso noca suas nusicas jamais será esquecido

RUISAMBARROS. disse...

Eu e Albenise(minha esposa) somos grandes admiradores do maior acordeonista do Brasil, aqui ouvimos o grande Rei do teclado sempre...salve o grande Noca!

RUISAMBARROS. disse...

Noca o maior sanfoneiro do Brasil, sem duvida; Na minha casa eu e minha esposa Nise(fãs incondionais)ouvimos sempre seus discos.
Salve o grande Noca!

Só Pensa em Correr disse...

Eu fui criado ouvindo o som de Noca. Meu pai, filho de um tocador de rabeca, passou sua juventude na Paraíba tocando seu pandeiro acompanhado da Rebeca de seu pai. Resumindo, tem uma grande sensibilidade musical e fala que o Noca é o melhor de todos!