terça-feira, 16 de outubro de 2018

Programa Acervo Origens - 13out18

--> O Programa Acervo Origens desta semana apresenta o bandolim seresteiro de Luperce Miranda, em músicas do LP A Eterna Seresta lançado em 1964, cantigas tradicionais com o conjunto vocal Filadélfia, as modas e toadas de Alvarenga e Ranchinho e os baiões, côcos e rojões na voz de Ary Lobo, em músicas de seu LP Cheguei na Lua, lançado em 1961.


1) Serenata da chuva (Jair Amorim - Evaldo Gouveia) com Luperce Miranda
2) Velho realejo (Custódio Mesquita - Sady Cabral) com Luperce Miranda
3) Longe dos olhos (Christóvão de Alencar - Djalma Ferreira) com Luperce Miranda
4) Favela (Roberto Martins - Waldemar Silva) com Luperce Miranda

5) Foi boto sinhá (Waldemar Henrique) com Conjunto Filadélfia
6) Vou vender meu barco (Alberto Montalvan) com Conjunto Filadélfia
7) Casinha Pequenina (Tradicional) com Conjunto Filadélfia
8) Sabiá (Tradicional) com Conjunto Filadélfia
9) Na minha casa (Tradicional) com Conjunto Filadélfia

10) Morena, minha morena (Alvarenga - Ranchinho) com Alvarenga e Ranchinho
11) Saudades de Ouro Preto (Alvarenga) com Alvarenga e Ranchinho
12) Dona felicidade (Murilo Alvarenga - Diesis dos Anjos) com Alvarenga e Ranchinho
13) Violeiro Triste (Alvarenga - Ranchinho) com Alvarenga e Ranchinho

14) Baião da vassoura (J. Cavalcanti – Estiano) com Ary Lobo
15) Bate malva (Ary Monteiro – Osvaldo Oliveira) com Ary Lobo
16) Recife sangrento (Edgar Ferreira) com Ary Lobo
17) Chuva miúda (Geraldo Queiroz – Waldyr Finotti) com Ary Lobo
18) Vendedor de açaí (J. Cavalcanti – Assis Barros) com Ary Lobo


Pesquisa, Produção e apresentação: Cacai Nunes

Nenhum comentário: