segunda-feira, 13 de maio de 2019

Programa Acervo Origens - 11maio19

O Programa Acervo Origens desta semana apresenta o violão do grande Dilermando Reis em gravações de 1965, a poesia e as brincadeiras de Antonio Nóbrega em músicas do CD Lunário Perpétuo, lançado em 2002, os baiões do Trio Mossoró na voz de Hermelinda e uma singela homenagem pela passagem da grande Rainha do Samba, Beth Carvalho. 



1) Araguaya (Dilermando Reis) com Dilermando Reis
2) Foi boto sinhá (Tajapanema) (Waldemar Henrique - Antônio Tavenardi) com Dilermando Reis
3) Se ela perguntar (Dilermando Reis - Jair Amorim) com Dilermando Reis
4) Marcha triunfal brasileira (Benedito Chaves) com Dilermando Reis

5) Luzia no frevo (Antonio Sapateiro) com Antônio Nóbrega
6) Ponteio Acutilado (Antonio Nóbrega) com Antônio Nóbrega
7) Carrossel do destino (Antonio Nóbrega - Bráulio Tavares) com Antônio Nóbrega
8) Lunário Perpétuo (Antonio Nóbrega - Wilson Freire - Bráulio Tavares) com Antônio Nóbrega

9) O tricô da Carolina (Genival Lacerda - Antonio Clemente)  
10) Carcará (João do Vale - José Cândido) com Trio Mossoró, canta Hermelinda
11) A topada da menina (Genival Lacerda - Antonio Clemente) com Trio Mossoró, canta Hermelinda
12) Curió (J. Cavalcanti - J. Olegário) com Trio Mossoró, canta Hermelinda

13) Miragem (Nelson Cavaquinho - Guilherme de Brito) com Beth Carvalho
14) Me ganhou (Gisa Nogueira) com Beth Carvalho
15) Agoniza mas não morre (Nelson Sargento) com Beth Carvalho
16) Vou festejar (Jorge Aragão - Dida - Neoci) com Beth Carvalho

Pesquisa, Produção e apresentação: Cacai Nunes

Nenhum comentário: