sexta-feira, 13 de maio de 2011

As 14 mais do Carimbó - Orlando Pereira (13/05/2011)

Hoje o Acervo Origens posta o disco da Orquestra Orlando Pereira, que é dona de um recorde interessante: é o grupo brasileiro que está há mais tempo em atividade ininterrupta. São setenta anos de grupo. A orquestra foi fundada em 1940, no Pará, pelo Maestro Orlando Pereira. Na década de 1950, o bando passou a ser chamado de “Conjunto Orlando Pereira”, e gravou três discos: “Belém, Belém”, “Dançando com a Orlando Pereira” e esse da postagem de hoje, chamado “Carimbó”. A Orquestra e o Conjunto ficaram famosos na região de Belém, e era requisitadíssima para animar bailes. Na década de 1990 e 2000, porém, os grandes bailes foram reduzindo, e a Orquestra foi perdendo espaço. Então, ela começou a se modernizar, alterando figurino, músicos e repertório. Com o falecimento do Orlando Pereira, o fundador, no ano de 2000, seu filho assumiu o comando da banda. Então, o processo de modernização foi acelerado. Como se pode perceber, a Orquestra tem uma ligação muito forte com a música paraense. Isso foi mantido, mas ela se aproximou fortemente do brega-paraense, e seu repertório tem de tudo, de Beatles a Lambada. Mas o disco de hoje tem a Orquestra de Orlando Pereira nos seus melhores momentos, tocando o verdadeiro Carimbó. Vale a pena ouvir.


 Lado A

1-Carimanbo (Carlos Santos – Pedro Américo)
2-Boto velho (Carlos Santos – Pedro Américo)
3-Matinta Pereira (Carlos Santos – Pedro Américo)
4-Farinhada (Carlos Nascimento)
5-Carimbo impressionante (Mário Nazareno)
6-Marudá (Carlos Nascimento)
7- Cara de rato (L. Amaral – C. Santos)

Lado B

1-Carimbó para yemanjá (O. Pereira – C. Santos – P. Américo)
2-Resposta da tucandeira (C. Nascimento – C. Santos)
3-Carimbo do Dico (Pedro Américo – Carlos Santos)
4-Tema da flauta (Paes Loureiro)
5-Compadre chegadinho (D. P.)
6-Rico do mambo (M. Almeida)
7-Siriá do ranchinho (Pedro Américo – Carlos Santos)

2 comentários:

gpdlt2010 disse...

Gostaria de baizar, só que nao vejo os links.

300 Discos Importantes disse...

Caro Cacai,

não sei se é intencional ou não, mas todas as últimas postagens de discos estão sem o link de download. Isto começou no disco do dia 06/05, "Candomblé da Bahia" e vem até este disco. Vocês não vão mais publicar os links?