sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Xangai e Cumeno cum Cuentro - Mutirão da vida (09/09/2011)

Esse é o segundo disco de Xangai postado aqui no Acervo Origens. O primeiro, chamado “Que Qui Tu Tem Canário”, está acompanhado de um texto sobre a vida do Eugênio Avelino.  Como tudo o que Xangai produz, esse disco, gravado em 1984, tem canções nordestinas, de raiz popular, de compositores brasileiros, e também de autoria do próprio Xangai. Ele passeia por vários ritmos, como xotes, cocos, baiões, repentes, e outros. Xangai imprime sua interpretação característica, com voz forte e estilo agreste, que tornam sua performance única e inconfundível. Xangai é acompanhado pela Banda Cumeno cum Cuentro, formada por grandes músicos: Jaques Morelenbaum no cello, Alex Madureira na viola, Marcelo Bernardes no sax, flauta e clarineta, e Mingo na Percussão. A faixa 4 do Lado B (Cumeno cum Cuentro, de Alex Madureira) é instrumental e mostra o talento deles. Vale a pena ouvir, ela tem um duelo genial entre a viola e o sax.  Também destaco Kukukaya, de Kátia França, em que Xangai canta muito, e o sax de Marcelo Bernardes não fica atrás.


Lado A

1-Fábula ferida (Jatobá)
2-Trabalhadores do metrô (Raimundo Monte Santo-Walter Marques)
3-O menino e os carneiros (Geraldo  Azevedo-Carlos Fernando)
4-Gírias do norte/De quinze pra trás/O sapo no saco
(Jacinto Silva/Onildo Almeida-Xangai/Pinto Pelado-Jararaca/Ratinho)
5-Ele disse (Edgar Ferreira)
6-Mutirão da vida (Hélio Contreiras)
7-Violêro (Elomar)

Lado B

1-O pidido/Clariô (Elomar)
2-Alvoroço (Capinan-Xangai)
3- Kukukaya (Cátia de França)
4-Cumeno cum cuentro (Alex Madureira)
5-Natureza (Ivanildo Villanova/Xangai)

Nenhum comentário: